terça-feira, 13 de setembro de 2011

poesia é viver

Eu conheci uma poetisa que escrevia com a alma. Que, já bem tarde - mas a tempo de dizer tudo, coloriu um pedacinho desse mundo.
Com letras, construía sonhos. Com palavras, tocava a gente.
Um monte delas era um castelo, pra qualquer um entrar e viver.
E lá descobrir que a vida começa quando a gente quer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário