domingo, 19 de julho de 2015

espaço

onde me
refaço
passo
de aço
que temo-atravesso
erro
o tempo
compasso
que espero
(   )
quero
ser
tudo e só
de novo
enquanto você estiver
por perto

Nenhum comentário:

Postar um comentário