quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

via láctea

a gente se distancia
quando não há
espaço comum
quando o tempo
de um
é ontem sempre
a gente se afasta e se perde
porque também perde
a referência
de infinito

Nenhum comentário:

Postar um comentário