sexta-feira, 13 de maio de 2016

dois

eu sou aquela do sorriso frouxo
a que se arrepende pra depois errar
que erra e se entrega bem antes da hora
que encurta a demora pra se apaixonar

sonho e tropeço no mesmo horizonte
logo que acordo e me esqueço que o céu
está desenhado no teto de casa
borrando meus dias com a tinta de Deus

então vem que é hora da gente voar
com a asa quebrada, sim, que é que tem?
se a gente chegou sem saber se ia dar
se você me ama e eu te amo também

Nenhum comentário:

Postar um comentário